Publicidade

Publicidade

08/02/2010 - 18:42

A camisa do centenário do Corinthians de Milão

Compartilhe: Twitter

No último dia 1º de fevereiro, a Nike apresentou o terceiro uniforme do Corinthians para a temporada do centenário. Assim como nos dois últimos anos, o roxo ganhou destaque na nova camisa. No segundo semestre do ano passado, a empresa de material esportivo vendeu uma camisa roxa e preta listrada, que lembrava a da Internazionale, de Milão (Itália).

camisa1

Esta agora traz uma cruz roxa no peito. A Nike explicou que a cruz faz uma referência a São Jorge, padroeiro do time. O design do novo uniforme guarda muitas semelhanças (outra vez!) com a cruz usada na camisa da Internazionale, também produzida pela Nike. Dentre os fornecedores de material esportivo, virou moda agora repetir os mesmos modelos em vários times e seleções ao redor do mundo.

camisa2

No caso da Inter, a cruz tem uma explicação forte. O uniforme branco e vermelho foi inspirado nas camisas que o time usou durante as temporadas de 1928 e 1945, quando foi obrigado a se fundir com outro clube, que deu origem à Società Sportiva Ambrosiana. A camisa é uma reprodução da bandeira de Milão e foi lançada — mais uma coincidência! — no ano do centenário da equipe.

Em dezembro de 2007, o advogado Baris Kaska processou o time de Milão por usar a camisa com a cruz vermelha contra o Fenerbahçe, da Turquia. Segundo o advogado, que é muçulmano, o uniforme fazia alusão às cruzadas, e simbolizava “a superioridade racista do ocidente sobre o Islã”. A cruz de São Jorge, símbolo dos cruzados, é vermelha. O mal-estar acabou aposentando a camisa mais cedo.

Na Argentina, a equipe da Nike teve um pouco mais de trabalho. Deslocou a cruz da nova camisa do Boca Juniors para a lateral. O desenho faz uma alusão à bandeira da Suécia. O primeiro uniforme do Boca era azul e branco, mesmas cores de outra equipe argentina. Os dois times fizeram um desafio para ver quem ficava com as cores e o Boca perdeu. Os jogadores foram, então, para a entrada do porto e decidiram escolher as cores da bandeira do primeiro barco que entrasse ali. Era um barco sueco.

0,,34900313-EX,00

Autor: - Categoria(s): Esporte Tags: , , , , , , ,
20/06/2009 - 15:58

… e também o clone sueco de Elvis Presley

Compartilhe: Twitter

Ainda falando de clonagem, encontrei outra esquisitice. Sim, existem centenas de covers de Elvis Presley espalhados pelo mundo! Mas nenhum deles é tão estranho quanto Eilert Pilarm – o músico sueco canta fora do tom, num arranjo estranho e não se parece nem um pouco com Elvis Presley (em vez do topete, ele exibe uma lustrosa calvície). Ao que tudo indica, Eilert Pilarm não se importa com as críticas – o sueco já lançou 3 CDs dedicados à estranha releitura das músicas do Elvis Presley.

Autor: - Categoria(s): Baú, Bizarro, Música Tags: , , , ,
Voltar ao topo