Publicidade

Publicidade

18/12/2008 - 17:49

Qual é a sua cena inesquecível de Spielberg?

Compartilhe: Twitter

Steven Spielberg, um dos diretores mais bem-sucedidos de Hollywood, completa 62 anos hoje. Quando era criança, ele invadiu, durante uma visita, um dos sets da Universal Studios. Acabou fazendo amizade com um editor, que lhe ensinou algumas coisas sobre fazer filmes.

Spielberg largou a faculdade de filmes e artes eletrônicas da Universidade Long Beach do Estado da Califórnia em 1968. Conseguiu concluir o curso apenas 35 anos depois, em 2002. Na formatura, a orquestra tocou o tema de Indiana Jones enquanto ele se dirigia para receber o diploma.

Dos filmes de Steven Spielberg, o que mais me marcou foi E.T.  Eu tinha 18 anos quando o filme estreou, em 1982. Lembro que fui ao Comodoro, cinema com uma tela gigantesca na Avenida São João, em São Paulo. Foi uma experiência incrível ver o filme naquela tela gigantesca. Também foi a primeira vez que vi a platéia aplaudir o final de um filme. Muito emocionante. Em 2002, quando completou 20 anos, E.T. foi relançado e levei meus filhos ao cinema. Desta vez, fomos a uma sala apertada do Shopping Eldorado, com uma telinha ridícula. Mas a sensação deles foi a mesma que eu tive 20 anos antes. Por isso, esta cena que selecionei é a minha preferida de Steven Spielberg.

Autor: - Categoria(s): Cinema Tags: , , , , ,
25/05/2008 - 18:55

Caçadores das curiosidades perdidas

Compartilhe: Twitter

Ainda não fui ver o novo filme de Indiana Jones. Mas é programa certo para esta semana, pode ter certeza. Coloquei algumas curiosidades sobre o herói no site do Guia dos Curiosos. Aqui vai um pequeno aperitivo:

1. O herói foi batizado por George Lucas com o mesmo nome de seu cachorro, da raça malamute. Já a musa Willie, par romântico de Indiana Jones em “O Templo da Perdição”, recebeu o nome do cãozinho de Steven Spielberg.

2. O roteiro original do filme “Indiana Jones e o Templo da Perdição” tinha uma cena longa de um duelo entre Indiana Jones, armado somente com um revólver, e um homem que fazia malabarismos com uma espada. Na hora da filmagem, porém, a cena teve que ser mais curta. Motivo: Harrison Ford estava com diarréia.

3. Em “Caçadores da Arca Perdida”, as cenas vividas na cidade do Cairo, Egito, foram gravadas na Tunísia. Como a ação se passa nos anos 1930, a equipe precisou tirar, e depois recolocar, cerca de 300 antenas de televisão nos telhados das casas.

4. Ainda em “Caçadores da Arca Perdida”, em uma das colunas do Poço das Almas, local onde estava a Arca da Aliança, há um hieróglifo com a figura do robô R2D2, de “Guerra nas Estrelas”.

5. Em outra cena no Poço das Almas, em “Caçadores da Arca Perdida”, cerca de 1 mil cobras foram providenciadas pela produção. Spielberg achou pouco e quis mais 7 mil.

6. No último episódio da trilogia, o ator Sean Connery fez o papel do pai de Indiana. Na vida real, no entanto, Harrison Ford é somente 12 anos mais novo que Sean.

Na internet, um sujeito inventou uma letra para a música-tema de Indiana Jones. Vale a pena dar uma conferida:

http://www.youtube.com/watch?v=fTrK4VQG93Y

Outro grupo de malucos resolveu gravar a famosa cena da perseguição da pedra nas ladeiras de São Francisco. Só que a tal pedra foi feita com 5 milhões de pecinhas lego.

http://www.youtube.com/watch?v=VFGVzt7c5bY

Autor: - Categoria(s): Cinema, Sem categoria Tags: , , , , , , ,
Voltar ao topo