Publicidade

Publicidade

18/09/2009 - 11:59

Salto alto… com os dias contados?

Compartilhe: Twitter

tumblr_kpgnwgjnBS1qzpiv4o1_500

O Congresso de Sindicatos da Grã-Bretanha resolveu declarar guerra ao uso obrigatório de sapatos de salto alto. Para infelicidade dos pobres pés, o sapato de salto é praticamente regra para algumas profissionais, como comissárias de vôo e vendedoras. O Congresso de Sindicato espera dar a essas mulheres a chance de escolher opções mais confortáveis na hora de escolher o calçado.

marie-antoinette

O mais glamuroso tipo de calçado ganhou o mundo a partir dos salões da corte real da França do século XVIII. Além de manter os nobres pés bem longe da lama, o sapato de salto criava uma elevação física – perfeita para simbolizar a “elevação” social da nobreza do período.  Só que os sapatos de salto eram desconfortáveis a ponto dos nobres precisarem ser literalmente carregados pelos empregados em cadeirinhas.

salto-gwyneth-paltrow-01g

Já o salto agulha foi inventado na Itália da década de 1950 e era feito de metal, náilon e plástico. Acima, a atriz Gwyneth Paltrow em um altíssimo salto agulha.

Amsel_SevenYearItch

Por razões óbvias, foi o vestido branco esvoaçante de Marilyn Monroe que entrou para a história como uma das imagens mais sexies do cinema. A atriz também vivia em cima de sapatos de salto, que se popularizaram depois da Segunda Guerra Mundial. Ela declarou certa vez: “Não sei quem foi o inventor do salto alto, mas todas as mulheres devem muito a ele!”.

SWI004AY

Outra que literalmente se equilibrava nos sapatos era a atriz e bailarina Ginger Rogers, célebre parceira de Fred Astaire. Muitos críticos acusam a indústria cinematográfica de não fazer jus ao trabalho de Ginger. Uma frase famosa diz que “Ginger Rogers conseguia fazer exatamente a mesma coisa que Fred Astaire – só que de costas e de salto alto!”.

carmen_miranda-006

A cantora Carmen Miranda fazia jus ao título de “pequena notável”. A portuguesa radicada no Brasil media 1,53 metro, combatidos com saltos plataforma e estratégicos arranjos na cabeça.

nicole_kidman_2

Quando pediu divórcio de Tom Cruise, Nicole Kidman foi ácida: “Agora eu posso voltar a usar salto alto”. A atriz australiana mede 1,79 metro –  quase 10 centímetros a mais que o ex-marido de 1,70 metro.

Autor: - Categoria(s): Celebridades, Cotidiano, Invenções Tags: , , , , , , , , ,
19/07/2009 - 18:30

A história da sobrancelha ao longo do tempo

Compartilhe: Twitter

A modelo brasileira Adriana Lima apareceu com as sobrancelhas descoloridas no catálogo desse ano da Givenchy. Achou estranho?

Pois, ao que tudo indica, a mais nova invenção fashion é descolorir ou mesmo raspar as sobrancelhas. Tanto que o jornal inglês Daily Mail modificou fotos de celebridades, revelando como elas  ficariam caso resolvam aderir à moda:

As atrizes Keira Knightley, Angelina Jolie e a ex-Spice Girl Victoria Beckham na versão sem sobrancelhas

Não é primeira vez que as sobrancelhas passam por uma mudança radical. Afinal, as mulheres raspam, descolorem, tingem e depilam a região acima do olhos de acordo com as tendências da época. Mesmo a ideia de raspar as sobrancelhas não é nova – Mona Lisa e outras musas já eram adeptas do estilo desde o Renascimento:

Na época de ouro do cinema mudo, as sobrancelhas eram uma ferramenta indispensável para as atrizes, que as raspavam completamente, para depois pintá-las de acordo com o papel. Mocinhas ingênuas eram dignas de  sobrancelhas curtas, já mulheres fatais recebiam um olhar emoldurado com sobrancelhas longas e arqueadas, como a da atriz Theda Bara.

A década de 40 foi marcada por sobrancelhas mais grossas no início e mais finas no final. O resultado era o olhar  feminino e sensual de Rita Hayworth.

Durante a  viagem libertária dos anos 60, além de queimar sutiãs e usarem flores nos cabelos, as mulheres também rasparam as sobrancelhas. Lideradas pela supermodelo britânica Twiggy, as mocinhas raspavam tudo e depois tratavam de desenhar arcos bem finos com lápis.

A década de 80 foi o reinado das sobrancelhas ao natural, grossas e expressivas. A principal representante dessa época foi a atriz Brooke Shields.

Nos anos 90, elas perderam volume, mas continuaram seguindo o traçado natural acima dos olhos, como as sobrancelhas da espanhola Penélope Cruz .

Para saber mais sobre curiosidades de beleza feminina, clique aqui.

Autor: - Categoria(s): Celebridades Tags: , , , , , , , , , , , , , ,
Voltar ao topo