Publicidade

Publicidade

06/05/2010 - 22:40

Grandes micos em casamentos

Compartilhe: Twitter

Já que estamos no Mês das Noivas, vale conhecer o músico Luciano de O. Figueiredo, que escreveu um livro com as histórias engraçadas que presenciou ao longo de sua carreira – “Micos em Casamentos”. Veja alguns desastres em cerimônias que não escaparam do registro do autor. Ele garante que todas as histórias são reais (por incrível que pareça)!

1- Em um casamento numa igreja evangélica, o pastor, berrando ao microfone, afirmou que Jesus estava presente para realizar uma cura. Depois de muita insistência do pastor para que alguém se manifestasse, uma convidada disse que estava com dores nas costas. Ele estendeu a mão na direção dela e, depois de alguns segundos em silêncio, falou que ela estava curada. Mas a mulher o desmentiu, dizendo que ainda estava sentindo dores. O pastor fez novamente o ritual, e nada. Então, ele apenas disse que a dor ia passar logo. E continuou a cerimônia.

2- A juíza de paz perguntou ao noivo se ele aceitava aquela moça como sua legítima esposa. Brincalhona, a noiva fez um sinal com as mãos, como se fosse uma arma de fogo, e apontou para a cabeça do noivo. Irritada, a juíza simplesmente abandonou a cerimônia. Com muito custo, um grupo de convidados convenceu-a a voltar, mas ela dedicou alguns minutos para fazer um severo sermão, dizendo que era uma autoridade, e não estava ali para fazer teatro.

3- A noiva estava com uma dúvida cruel: não sabia se contratava um carro, um helicóptero ou uma carruagem para sua entrada. Resolveu, então, contratar os três. Chegou de helicóptero ao sítio onde seria realizada a cerimônia. Depois, embarcou em um carro e deixou o heliponto. Em seguida, subiu na carruagem. Com isso, somente para a entrada da noiva, foram 20 minutos de espetáculo.

4- Para não deixar a imagem tremida, um cinegrafista filmava em uma cadeira de rodas. No meio da cerimônia, decidiu que um ângulo ficaria melhor se ele estivesse de pé. Mas, quando se levantou da cadeira, os convidados iniciaram um imenso alvoroço: “Aleluia, Glória a Deus! O cinegrafista está curado!”.

5- Essa, como o próprio autor admite, “parece coisa de novela”. Dias antes de subir ao altar, o noivo descobriu que estava sendo traído, mas levou o casamento adiante. Já na festa, depois da cerimônia, subiu com a noiva ao palco e anunciou que faria um discurso. Foi quando pediu para que os convidados conferissem o que havia debaixo dos pratos. Encontraram fotos da noiva com seu amante, tiradas por um detetive particular. Em seguida, o noivo abandonou a infiel no palco e foi embora. Ela ficou ali parada por alguns instantes, até desmaiar de vergonha.

Autor: - Categoria(s): Cotidiano, Datas Comemorativas Tags: , , , ,
12/02/2010 - 20:58

Luzes por todos os lados

Compartilhe: Twitter

O norte-americano Nick Holonyak Jr. entrou para o Hall da Fama dos Inventores dos Estados Unidos em 2008. Na verdade, o que Holonyak fez foi desenvolver — e dar uma utilidade — a algo que já havia sido “inventado” há muito tempo. As luzes LED (sigla para Light-Emitting Diode, ou Diodo Emissor de Luz) foram descobertas por um russo. Pelo menos é o que sustenta Nikolay Zheludev, professor de Física da Universidade de Southampton, em seu estudo “A Vida e os Tempos do LED — Uma História de 100 Anos”.

led012

“Muitas pessoas acreditam que o LED foi descoberto por pesquisadores norte-americanos na década de 1960”, comenta o professor. “Na verdade, Henry Round, dos Laboratórios Marconi, percebeu a emissão de luz por meio de um diodo semicondutor 100 anos atrás e, sozinho, um gênio russo esquecido — Oleg Losev — descobriu o LED”, conclui Zheludev.

Enquanto a dúvida persiste, o LED está cada vez mais presente no cotidiano das pessoas. Nos casamentos, por exemplo, o buquê Galvanic Skin Response permite que  qualquer noiva brilhe mais que o habitual. Com um arranjo de tulipas e lírios, além dos LEDs, o buquê se acende em azul se a noiva está calma ou em branco se ela está nervosa. A medição é feita através de um eletrodo ligado ao dedo da felizarda, e fica registrada em um cartão de memória de 1 GB. A novidade foi apresentada na última edição do Expo Noivas.

led

Para os bichinhos de estimação, coleiras com luzes LED também estão disponíveis para venda. Além de uma ótima decoração para seu cão, essas coleiras também ajudam na segurança para os que gostam de passear à noite. É possível encomendá-las pelo site da empresa, que importa o produto.

Que tal  luzes LED para uma balada? Além de compor a decoração dos locais, também é possível encontrar as agora onipresentes luzinhas nas camisas dos frequentadores. Assista ao vídeo abaixo e tire a prova.

Para quem se interessou pela camisa com LED, ela custa 85 reais e é vendida pela mesma empresa que comercializa as coleiras.

Autor: - Categoria(s): moda Tags: , , , , , , , , ,
16/08/2009 - 14:55

Como encomendar um marido agora!

Compartilhe: Twitter

Você comemorou o Dia do Solteiro ontem? Bem, se você não pretende repetir a dose no ano que vem, conheça um site que tem o seguinte slogan: “Não espere mais, peça alguém em casamento hoje!” É o “Mail Order Husbands” (“Encomende um Marido”, em inglês). Os pretendentes não são lá muito animadores, mas, em caso de desespero, quem liga?

Antes de se aventurar, dê uma conferida nas “ofertas” que existem por lá:


Romântico clássico, do tipo que gosta de jantares a luz de velas, Steven diz que seu par ideal é uma mulher que tenha um carro e tope fazer viagens até o México.

De volta ao mercado, como anuncia, o australiano David propagandeia: “Garotas, servir vocês é o meu negócio!”. Seu tipo de mulher ideal? Morenas de unhas não-pintadas.

“Garotas, me escolham!” Jeb quer sua ajuda para curar um coração partido. Ele gosta de mini-golfe, videogame e de caminhadas na praia.


Já o sensível Reuben adoraria passar uma temporada nas praias do Caribe com você.

Pensando bem, pelo visto, até que não é má ideia comemorar mais um Dia do Solteiro, né?

Prefere homens mais perigosos? Confira esses aqui no Blog do Curioso

Autor: - Categoria(s): Bizarro, Humor, Sites curiosos Tags: , , , , ,
Voltar ao topo