Publicidade

Publicidade

24/08/2009 - 21:37

Os bigodudos que dão muito o que falar

Compartilhe: Twitter

Uma pesquisa realizada recentemente elegeu o músico Freddie Mercury a celebridade com “melhor bigode da Grã-Bretanha de todos os tempos”.  Além do título de bigodudo, o vocalista do Queen já  foi eleito pela revista Rolling Stone como um  dos 100 melhores cantores de todos os tempos. Freddie Mercury morreu em 1991, aos 45 anos, por complicações decorrentes da AIDS.

A mesma pesquisa cita Charlie Chaplin (foto à esquerda), o Carlitos, como dono de um respeitável bigode. O ator e cineasta criticou o líder nazista Adolf Hitler no filme “O Grande Ditador”. Apesar das diferenças ideológicas, Chaplin e Hitler compartilhavam o mesmo bigodinho. Aliás, o estilo fazia sucesso entre as personalidades políticas da época: os líderes soviéticos Josef Stálin (foto à direita) e Vladimir Lenin também cultivavam seus bigodinhos.

Dirigido por Quentin Tarantino, o filme “Bastardos Inglórios” se passa durante a Segunda Guerra Mundial e apresenta o ator Brad Pitt – de bigode – como um amalucado caçador de nazistas. O marido de Angelina Jolie apareceu na capa da Rolling Stone com o visual novo – que ele garante ter sido aprovado pela mulher.

Bigodes eram comuns em astros de Hollywood ao longo das décadas de 1940 e 1950.  Só no clássico “E o Vento Levou…”(1939) foram usados 700 bigodes postiços ao longo dos 2 anos e7 dias de filmagens. Clark Gable, galã do filme, tinha bigode de verdade.

Aqui no Brasil, o bigode do personagem Gopal (André Gonçalves), da novela “Caminho das Índias”, tem dado o que falar. Muitas crianças param o ator na rua para verificar se o bigode é verdadeiro. É.

Outro bigode que tem dado o que falar (não vou falar o que) é o do José Sarney. Existe até mesmo um site dedicado a organizar a “greve do bigode”, uma forma bem-humorada de protesto contra o atual presidente do Senado. O blog, cujo lema é “Greve de Bigode – só tiro o meu quando o Senado tirar o dele”, conclama os internautas a tirar e postar fotos suas com seus respectivos bigodes, bigodinhos e bigodões…

Ah, claro… Tem também um outro bigodudo no Senado. Se ele disser que vai tirar o bigode de “forma irrevogável”, não acredite!

Autor: - Categoria(s): Celebridades, Cotidiano, Jornalismo Tags: , , , , , , , , , , , ,
02/04/2009 - 08:04

Quantas vezes Al Pacino já morreu?

Compartilhe: Twitter

Pensa que só os gatos têm sete vidas? Não. Os atores de cinema também têm. Você sabe quantas vezes Al Pacino já morreu (ou foi morto) nas telas do cinema? O site Cinemorgue diz para você.

O Cinemorgue dedica-se a heroica missão de contabilizar quantas vezes cada ator de Hollywood já morreu nas telas.

A saber: Al Pacino morreu 10 vezes. A primeira baixa aconteceu no filme “Scarface” (1983) – em que o personagem Tony Montana é fuzilado por gângsters, depois de assassinar metade do elenco.

O veterano Anthony Hopkins já partiu desta para melhor 16 vezes – duas delas interpretando personagens shakespearianos – Rei Cláudio, em “Hamlet” (1969) e o personagem-título de “Othelo” (1981).

Casal mais badalado de Hollywood, Angelina Jolie e Brad Pitt viram seus personagens morrerem nas telas de cinema 17 vezes (5 de Angelina e 12 de Brad).  Combinado, o casal ganha por uma morte de Samuel L. Jackson – que bateu as botas nos dois episódios de “Kill Bill”, foi comido por um dinossauro em “Jurassic Park”(1994) e por um tubarão em “Do Fundo do Mar” (1999).

Outro site relacionado ao assunto é o Movie Deaths. De acordo com as estatísticas do site, as armas de fogo é a maior causa-mortis do cinema, seguida por duelos, quedas e explosões.

Autor: - Categoria(s): Celebridades, Cinema, Listas Tags: , , , , , , , , , , ,
11/03/2009 - 16:07

Campeões de barba e bigode

Compartilhe: Twitter

A julgar por estrelas de Hollywood como Brad Pitt, barba e bigode deixaram de fazer parte do visual dos vovôs e voltaram à moda em 2009. Tal notícia encheu de alegria os participantes do Campeonato Mundial de Barba e Bigode, que existe oficialmente desde 1990, quando foi organizado por barbudos da cidade alemã de Höfen.

Desde 1995, a competição é realizada a cada dois anos. Agora, em 2009, a cidade de Achorage, no Alasca, será a responsável por receber centenas de homens barbados , que competirão em 18 categorias, como “barba imperial”, “mosqueteiro”, “velho oeste” e “Dali”.

O concurso é aberto para todas as nacionalidades. Por isso, caso sua barbicha se encaixe em algum estilo (ou seja realmente original a ponto de conseguir competir no “estilo livre”), boa sorte!

Como saber se você tem alguma chance?!? Confira alguns vencedores dos concursos anteriores:

O alemão Karl-Heinz Hille é o atual campeão no estilo “barba parcial imperial”.

No estilo “bigode imperial”, o escolhido de 2007 foi o americano Alex Antebi.

Livre, leves e soltos, os fios de barba de Willy Chevalier ganharam o prêmio máximo em 2002, 2005 e 2007.

No estilo “natural”, o grande vencedor de 2007 foi o americano Jack Passion.

Em 2007, a categoria “livre” premiou o bigodudo Gandhi Jones.

Autor: - Categoria(s): Bizarro Tags: , , , ,
02/02/2009 - 14:28

Filhos de celebridades com nomes bem exóticos

Compartilhe: Twitter

Tom Cruise veio ao Brasil para o lançamento de seu mais novo filme, “Operação Valquíria”. Trouxe a mulher, Katie Holmes, e a filha, Suri.

Suri?!? Sim. Só que Tom e Katie não estão sozinhos nessa onda de batizar filhos com “nomes diferentes”. Jazz Domino, Diva Muffin e Sage Moonblood são alguns nomes que celebridades internacionais deram a seus filhos!

Bluebell Madonna

“Ninguém mais tem este nome a não ser a santa e a cantora”. Essa foi a justificativa da ex-Spice Girl Geri Halliwell para a escolha do nome de sua primeira filha, Bluebell Madonna, nascida no dia 14 de maio de 2006. “Bluebell” é uma rara planta azul em forma de sino.

Kal-El Coppola Cage

É o nome do segundo filho de Nicolas Cage, nascido em 3 de outubro de 2005. “Kal-El” é o verdadeiro nome do Super-Homem nos quadrinhos e “Coppola” é o verdadeiro sobrenome do ator, sobrinho do cineasta Francis Ford Coppola. A mãe de Kal-El é Alice Kim, uma ex-garçonete de um restaurante especializados em sushi 20 anos mais nova que o ator. Os dois se casaram em julho de 2004.

Zuma Nesta Rock


O filho da cantora Gwen Stefani e do vocalista do Bush Gavin Rossdale recebeu um nome bem musical: “Zuma” é o nome de um álbum lançado por Neil Young em 1975. “Nesta” é o nome do meio de Bob Marley. “Rock” não precisa de explicação, né?

O primeiro filho de Stefani, que aparece na foto acima carregado pelo pai, recebeu o nome de “Kingston”.

Harlow Winter Kate


A patricinha Nicole Richie resolveu homenagear a atriz Jean Harlow, estrela de Hollywood na década de 30. Para completar, adicionou “Winter” (“Inverno”, em inglês) e um nome mais comum, “Kate”. Harlow Winter Kate é filha de Nicole com o vocalista da banda Good Charlotte, Joel Madden. Ela nasceu no dia 11 de janeiro de 2008. Nicole Richie ficou famosa ao estrelar o seriado “Simple Life” com Paris Hilton.

Nahla Ariela


A atriz ganhadora do Oscar Halle Berry declarou que só escolheu o nome da filha depois que ela nasceu. De acordo com ela, “Nahla” é um nome de origem árabe e significa “gole de água”. “Nahla” também pode soar familiar para todos que assistiram ao sucesso da Disney, “O Rei Leão”.

Shiloh Nouvel, Knox Léon e Vivienne Marcheline

Os três irmãos compartilham o privilegiado DNA de Angelina Jolie e Brad Pitt – e nomes bem exóticos! “Shiloh” foi a primeira filha biológica do casal mais comentado de Hollywood e seu nome significa “Dádiva Divina” em hebreu. Nascidos no dia 12 de julho de 2008, os gêmeos Knox Léon e Vivienne Marcheline são os mais novos membros do clã  Jolie-Pitt, que ainda inclui os adotivos Maddox, Pax e Zahara.

A lista é ainda bem maior: Jazz Domino é filho do guitarrista do The Clash, Joe Strummer, Diva Muffin, do roqueiro Frank Zappa e Sage Moonblod, do ator Sylvester Stallone. Leia outros aqui.

Autor: - Categoria(s): Celebridades Tags: , , , , , , , , , ,
Voltar ao topo