Publicidade

Publicidade

06/04/2010 - 21:53

Sarney e a turma dos "sem-bigode"

Compartilhe: Twitter

Depois de passar por  uma cirurgia para retirar um tumor benigno do lábio superior, o presidente do Senado, José Sarney (PMDB – AP) e, claro, seu famoso bigode, voltaram ao Congresso hoje. “Fiz o possível para salvar o bigode” , comemorou o senador, ainda com dificuldade para articular as palavras. “Graças a Deus, não perdi”

Na verdade, a preocupação de Sarney com o bigode, marca registrada de sua imagem, foi parar na sala de cirurgia. Os profissionais do Hospital Sírio-Libanês, em São Paulo, evitaram que o parlamentar tivesse que raspá-lo, apelando para uma técnica cirúrgica parecida com a de uma cirurgia plástica. Porém, o que o bigodudo mais famoso do Maranhão não contava é que a tecnologia tem as suas magias. Então, o Blog do Curioso resolveu fazer uma brincadeira. Já imaginou como ficaria José Sarney sem o bigode?

Como Sarney não é o único bigodudo famoso, resolvemos ver como ficariam outros também. Caso do jogador Rivellino. Na Copa de 1970, quando o Brasil conquistou o tri, os jogadores quiseram raspar o bigode de Rivellino, mas ele fez todo tipo de apelo para escapar do trote. Teria ficado assim:

Temos também a versão sem-bigode do ditador cubano Fidel Castro:

Sobrou também para o colega de Sarney, o senador Aloizio Mercadante (PT – SP):

Nem o técnico Luiz Felipe Scolari escapou…

No ano passado, na época em que o cantor Belchior estava desaparecido, rumores diziam que ele estava sem o famoso bigode. Ele teria ficado assim:

No livro “O Arquivo de Hitler“, Patrick Delaforce conta que a princesa Stephanie von Hohenlohe  não gostava do bigode do Führer. Talvez ela preferisse ver o líder nazista assim:

Autor: - Categoria(s): Celebridades, Humor Tags: , , , , , , ,
Voltar ao topo