Publicidade

Publicidade

Arquivo da Categoria Viagem

26/04/2010 - 21:38

Letras proibidas para placas de carro

Compartilhe: Twitter

As placas com três letras e quatro números começaram a ser usadas no Brasil em fevereiro de 1990. Antes, as placas eram amarelas e tinham duas letras e quatro números. Algumas combinações de letras foram proibidas, como CUS, GAY e CKH, por serem consideradas chulas ou constrangedoras. O curioso é que todas elas seriam usadas em São Paulo. Cada Estado ficou com uma fatia do abecedário. Coube a São Paulo todas as placas entre BFA-0001 e GKI-9999. Ou seja, aqui, você jamais verá um táxi circulando com essa alegre combinação, como fotografou um brasileiro em lua-de-mel  na Argentina.

Autor: - Categoria(s): Bizarro, Cotidiano, Humor, Viagem Tags: , ,
19/04/2010 - 18:16

Restaurante Lingerie: para comer com os olhos!

Compartilhe: Twitter

Os portugueses estão mesmo bem saidinhos! Depois de apreciar pratos afrodisíacos servidos por garçons semi-nus ou garçonetes de lingerie, o público ainda pode conferir shows de strip-tease ou table dance (dançarina faz gestos de sedução onde até há pouco você comia a sua sobremesa). Assim é o Restaurante Lingerie, que completará 7 anos na próxima quinta-feira. Nada a ver com casas masculinas que se proliferam ao redor do mundo. O Restaurante Lingerie recebe, de terça a sábado, casais e pequenos grupos mistos.

Portugal tem 131 habitantes por restaurante, número três vezes maior que a média europeia. E, mesmo com tantas opções, o Lingerie serviu 38.512 jantares em 2009. Vale ressaltar que, até o ano passado, ainda eram três unidades – Póvoa de Varzim, Vila Nova de Gaia e Albufeira. Uma quarta acaba de abrir suas portas em Viseu.

Além do serviço, os pratos também são temáticos. Têm ingredientes afrodisíacos e nomes sugestivos, como “Arrepio na Espinha”, “Orgia de Carnes”. “Viúva Insaciável”, “69 Italiano” e “O que tu queres… sei eu!”. O preço da refeição ronda os 35 € (cerca de R$ 85). Há também espaço para comemorações, como a já consagrada “Festa do Divórcio”.

Luis de Almeida, idealizador e diretor geral do grupo Lingerie, conversou com a repórter Karina Trevizan, do Blog do Curioso, diretamente de Portugal:

Quais foram as cenas mais curiosas que você testemunhou ao longo desses 7 anos?
As cenas mais curiosas acontecem nas festas de bodas de prata… Imagine um casal que celebra 25 anos juntos e convida os amigos e familiares para jantar num restaurante erótico. É muito giro (engraçado)! Outra cena bem interessante que presenciei foi no Dias dos Namorados. Um casal gay foi ao Lingerie para jantar e todos bateram palmas por eles se assumirem em público. Isso, para Portugal, é muito novo. Mas o que me marca diariamente são as expressões no rosto das pessoas. Ver as reações que elas vão tendo durante as várias fases do jantar é fantástico.

“Brincamos com o erotismo, mas não temos nada a ver prostituição” - Luis de Almeida

São expressões de aprovação ou de estranhamento?
Ah, são expressões de surpresa e satisfação. As pessoas adoram…

Como surgiu a ideia do Restaurante Lingerie?
Passeando pela Austrália, visitei um restaurante destinado a homens chamado “Gentleman Club”. Quando voltei para Portugal, adaptei o que vi à realidade europeia e criei este conceito para um público misto. É importante observar que brincamos com o erotismo, mas não temos nada a ver prostituição.

Os portugueses aceitaram logo um projeto tão ousado?
A mentalidade portuguesa é muito conservadora, e não foi fácil iniciar um projeto como esse aqui. Mas hoje me sinto feliz, pois as pessoas já distinguem o erotismo da pornografia e da prostituição.

O restaurante é mais frequentado por homens ou mulheres?
Calculo que 70% dos clientes são mulheres.

Então, se a maioria é feminina, o número de garçons sem roupa é maior que o de garçonetes com lingeries?
A reserva de mesa é obrigatória. Então, ajustamos o número de empregados de mesa conforme as reservas. Se temos muitas mulheres, aumenta o número de garçons, e vice-versa.

O show é feito pelas mesmas pessoas que servem as mesas?
Não. Temos uma equipe de animadores. Não funciona ter o pessoal de mesa fazendo shows. Isso chegou a acontecer no início, mas a qualidade de serviço de mesa era prejudicada… Não dá para misturar.

Há algum outro tipo de treinamento especial?
Claro. Temos até aulas de pole dance para os funcionários. Além disso, damos atenção especial à forma de abordar os clientes. Faz parte do show o dançarino ir às mesas e “provocar” os clientes com movimentos eróticos. No caso dos casais, o stripper pede sempre a aprovação do parceiro ou da parceira antes de iniciar a provocação. Isso de uma forma muito sutil. Não queremos criar qualquer desconforto.

Todos os pratos do Restaurante Lingerie são afrodisíacos?
Sim… Utilizamos alguns ingredientes afrodisíacos, como canela, gengibre e chocolate. Quem cria os nomes sou eu. Dois que fazem muito sucesso são o “Grelo da Maria”, de bacalhau com broa, e o “Minete Guloso”, de porco preto em vinho tinto.

Quando é que o Restaurante Lingerie vai chegar ao Brasil?

Devemos abrir mais algumas casas em Portugal. Leiria e Lisboa são os próximos pontos de interesse. Também é nosso objetivo chegar ao Brasil. São Paulo seria a escolhida para começar. No ano passado, visitei a cidade e cheguei à conclusão que, para entrar no Brasil, preciso de um parceiro de negócio que possa apoiar a implementação. Afinal, acredito muito no ditado português “patrão fora, feriado na loja”. Preciso de alguém de extrema confiança e competência para manter a vertente erótica, e não se deixar levar pelo dinheiro fácil proveniente da prostituição. Mas, logo que encontrarmos a pessoa certa, abriremos de imediato. Tenho um carinho especial pelo Brasil, pois é a terra natal de meu avô.

Autor: - Categoria(s): Comes e bebes, Sexo, Viagem Tags: , , , , ,
19/03/2010 - 17:50

Picasso e "Guernica" em versão 3-D

Compartilhe: Twitter

O quadro mais importante de Pablo Picasso é “Guernica”. Em abril de 1937, o general Francisco Franco comandava o exército rebelado contra o governo republicano espanhol. Para demonstrar o poderio militar que tinha à sua disposição. Franco pediu ao aliado Adolf Hitler que enviasse uma esquadrilha de bombardeiros para destruir uma cidade da Espanha. A escolhida foi Guernica, arrasada completamente.

Picasso ficou indignado com essa brutal destruição, e pintou o quadro de 7,76 x 3,39 metros para o pavilhão espanhol na Feira Mundial de Paris. “Guernica” ficou no Museu de Arte Moderna de Nova York até 1981. A pedido do próprio Picasso, o quadro só foi devolvido à Espanha quando ela voltou a ser um país democrático. Hoje o quadro está no Museu Rainha Sofia, em Madri.

Agora, 73 anos depois, Guernica ganha uma mão da tecnologia para deixar os elementos do quadro ainda mais perto dos observadores. Lena Gieseke, da Universidade da Geórgia, Estados Unidos, transformou o cubismo de Picasso em 3D. Picasso recorreu às tintas, enquanto Lena usou o computador. Mergulhe na obra:

Autor: - Categoria(s): Viagem Tags: , , , ,
07/02/2010 - 20:59

Hotéis curiosos ao redor do mundo

Compartilhe: Twitter

Sei que mal acabaram as férias de janeiro, mas é bom já ir se programando para as de julho.  Sabe onde você vai se hospedar?

Na Turquia, o hotel Marmara Antalya acabou com o problema da vista.  Há 24  apartamentos num prédio giratório. A cada 2 minutos, todo o prédio roda, tornando assim a vista do Mar Mediterrâneo democrática. Para os hóspedes que sentem enjoo, a direção do hotel explica que existem outros 214 apartamentos fincados no chão.

turquia

Graças a seus maravilhosos museus, Paris é a capital mundial das artes. Por isso, o  Apostrophe Hotel é um lugar perfeito para se hospedar. Todos os 16 apartamentos possuem temas culturais, que vão de poesias escritas nas paredes a notas musicais nas cortinas.

franca

Mas, se o seu negócio é dormir num lugar que tem o  seu jeito, o destino pode ser  o Propeller Island City Lodge, em Berlim. A equipe do hotel está preparada para atender os mais bizarros pedidos em relação ao quarto: dormir em caixão, saco de batatas como travesseiro ou até uma suíte com todos os móveis colados no teto.

berlim

Autor: - Categoria(s): Bizarro, Viagem Tags: , , , , ,
29/01/2010 - 17:25

O que significam estas placas? Arrisque um palpite!

Compartilhe: Twitter

Durante as férias, eu me deparei com algumas placas bem curiosas. Será que você consegue dizer o que os desenhos significam? Vamos lá: respostas no final do teste.

Placa 1

placas2

Placa 2

placas 3

Placa 3

placas 5

Vamos para as respostas (só vale ler depois de arriscar os palpites):

1. “Não alimente os quatis”. Os bichinhos andam soltos entre os turistas do Parque Nacional de Foz do Iguaçu. Na verdade, nem é preciso alimentá-los. Eles atacam os lanches dos visitantes.

2. No lado argentino de Foz do Iguaçu, a placa manda não sair da trilha por causa das cobras.

3. Em Porto de Galinhas, a placa manda tomar cuidado com as rochas escorregadias.

Autor: - Categoria(s): Cotidiano, Humor, Viagem Tags: , ,
23/11/2009 - 16:15

Países que parecem, mas não são

Compartilhe: Twitter

Você sabia que, na Europa Oriental, ainda existe um reino encantado?

Castle-500

Pois é. O Reino da Valáquia foi fundado em 1997 pelo fotógrafo Tomas Harabis. O país de mentirinha localiza-se no nordeste da República Tcheca, onde há um castelo medieval, uma pequena vila, 40 canoas de madeira e muito licor de ameixa.  A maior fonte de renda do lugar  vem da emissão de passaportes valaquianos, que custam aproximadamente 20 reais. Ah, esse cara aí embaixo é Vladimir, o atual “rei” da Valáquia:

King-Vladimir_60406d

Quem não se contenta em ser um cidadão comum pode tingir seu sangue de azul em outro país que também não existe de verdade.  Na ilha de Sealand, entrar para a nobreza custa apenas a bagatela  de 30 dólares (51 reais)!

sealand

Sealand é  uma plataforma de 450 m² de aço, sustentada por dois pilares, no meio do oceano. Construída durante a Segunda Guerra Mundial pela Inglaterra, a construção foi abandonada com o final do conflito. Em 2 de setembro de 1967, o excêntrico Roy Bates, acompanhado de sua esposa Joan e do filho Michael, desembarcou no local e – pasme! – proclamou independência do “país”.

royalfamily1967
Antes de aspirar à realeza, Roy Bates chegou ao posto de major das forças armadas inglesas. Depois, tornou-se operador de uma rádio pirata. Sua esposa, a “princesa” Joan, é uma ex-modelo. Atualmente, o casal real vive na Espanha. Sealand é governada pelo Príncipe Michael – que colocou a micronação à venda  em janeiro de 2007.

sealnd13
Sealand tem constituição, hino, bandeira própria e até emite selos – mas não é reconhecida por nenhuma outra nação no mundo.  O “reinado” da família Bates em Sealand é mantido por doações e venda de títulos nobiliárquicos e bugigangas.  Quer mandar uma carta para o todo-poderoso príncipe de Sealand? Escreva  para:
Sealand 1001, Sealand Post Bag, Felixstowe IP11 9SZ, UK.

Autor: - Categoria(s): Bizarro, Humor, Viagem Tags: , , , ,
19/11/2009 - 16:23

Qual é a mais bonita cauda de avião?

Compartilhe: Twitter

Na sala de embarque do aeroporto, fico olhando para o pátio, tentando descobrir de que lugares são os aviões ali parados. Uns são mais fáceis de descobrir, outros não. Por isso é que guardei o exemplar de novembro de 2008 da extinta JET Magazine. Ela trazia imagens das mais bonitas, interessantes e curiosas caudas de companhias aéreas. Qual é a sua favorita?

Caudas de avião

Autor: - Categoria(s): Viagem Tags: , ,
28/10/2009 - 23:41

Mais três sabores de Fanta

Compartilhe: Twitter

Já escrevi aqui um post sobre os diferentes sabores de Fanta que já experimentei. Pois eu trouxe algumas novidades de minha recente viagem. Num supermercado de Frankfurt, na Alemanha, encontrei a “Fanta Itália”  (que faz parte  daquela série Fanta Mundo). Pelo desenho da embalagem, ela leva laranja, framboesa e blueberry.  A “Fanta Jamaica” estava em falta (o que será que tinha dentro, hein?).

fantalemanha

Você sabia que a Fanta foi inventada na própria Alemanha? Em 1941, durante a Segunda Guerra Mundial, quando a fábrica alemã da Coca-Cola deixou de receber o xarope usado no preparo do refrigerante, inventaram a Fanta. O nome, escolhido pelos empregados da empresa, foi tirado da palavra fantástica, que é parecida em muitas línguas.

Entre 1945 e 1955, a marca Fanta foi usada apenas para não perder o registro. Só foi ressuscitada de verdade para o lançamento de um refrigerante de laranja criado pela Coca-Cola italiana em abril de 1955. Fez sucesso e foi conquistando o mundo, chegando aos Estados Unidos em 1959. No Brasil, a Fanta Laranja foi lançada em dezembro de 1964 e a Fanta Uva, em julho de 1970.

Em Portugal, encontrei outros dois sabores diferentes – abacaxi e maracujá. De todas elas, a minha preferida continua sendo a Fanta Limão. Como eu gostaria que ela voltasse a ser vendida no Brasil.

fanta1

Autor: - Categoria(s): Comes e bebes, Viagem Tags: , , , ,
22/10/2009 - 14:44

Você já viu uma "língua de veado"?

Compartilhe: Twitter

Não, não estou me referindo ao animal. “Língua de Veado” é o nome de uma bolacha doce muito popular nas pastelarias portuguesas (em Portugal, pastelaria vende doces, e não pastéis). O que me contaram é que o doce tem esse nome porque seu formato lembra mesmo o da língua do animal. Só isso. Há várias receitas na internet. Para ver uma delas, clique  aqui.

linguaveado

Autor: - Categoria(s): Comes e bebes, Viagem Tags: , ,
21/10/2009 - 12:34

A evolução da calcinha de 1800 aos dias de hoje

Compartilhe: Twitter

De volta ao Brasil, vou publicar aqui no blog algumas coisas engraçadas que vi nas minhas andanças por Frankfurt, na Alemanha, e por Lisboa, capital portuguesa. Começo com um cartão postal que comprei na cidade alemã, que mostra, de um jeito divertido, a evolução (será essa a palavra correta?) da calcinha.

PositiveAuswirkungen

Até o início do século XIX, a roupa de baixo era apenas um camisão largo e algum tipo de calção. Feita para não ser vista por ninguém a não ser o usuário, a peça de baixo tinha pouca importância. A única exceção foi durante o período em que a cintura e o busto da mulher eram apertados e aumentados. O corpete acabou sendo criado para dar o tal efeito aerodinâmico.

Os historiadores da moda registram uma grande mudança nas roupas de baixo por volta de 1830. Elas tornaram-se mais pesadas, mais compridas, e praticamente obrigatórias. Não usar roupa de baixo significava falta de asseio. Os médicos também alertavam sobre os perigos de ficar com o “corpo resfriado”. As roupas de baixo então eram brancas, normalmente engomadas, e feitas de cambraia branca, de chita grossa ou flanela. Em 1860, as roupas de baixo das mulheres começaram a ganhar sensualidade e, vinte anos depois, a seda conquistou seu espaço. Mas foi por volta dos anos 1950 que elas foram diminuindo de tamanho.

No livro “O Guia dos Curiosos – Invenções”, você pode ler muitas outras histórias como essa.

Autor: - Categoria(s): Humor, Invenções, moda, Viagem Tags: , , , , ,
Voltar ao topo