Publicidade

Publicidade

Arquivo da Categoria Comes e bebes

01/12/2009 - 17:18

Mergulhe na piscina de cerveja argentina!

Compartilhe: Twitter

Com esse calorzão, muita gente daria tudo por um pulo em uma piscina, ou mesmo uma cerveja bem gelada. Mas o que diriam de juntar os dois: nadar em uma piscina cheia de cerveja?

cerv

Achou a idéia maluca? Pois a marca argentina Isenbeck resolveu alegrar a moçada com a “primeira piscina de cerveja do mundo”.

Para participar, o interessado precisa comprar uma garrafa da cerveja argentina e escrever o nome da marca, seguido do número do lote e a hora no site da promoção. O vencedor vai poder literalmente nadar em cerveja com um grupo de amigos em uma festinha particular bancada pela marca.

cerveja

A cerveja atual foi inventada na Alemanha no século XVI, quandos os cervejeiros do país resolveram adotar o “Reinheitsgebot” ou “princípio da pureza”, uma espécie de código que determinava os três únicos ingredientes permitidos para a verdadeira cerveja alemã: água, lúpulo e cevada-malte. O acordo foi levado bem à sério: até 1988, o “Reinheitsgebot” era lei entre os cervejeiros da Alemanha.

O que será que os mestres cervejeiros alemães diriam da piscina dos argentinos?

Autor: - Categoria(s): Bizarro, Comes e bebes Tags: , ,
13/11/2009 - 12:16

Qual seria a última refeição da sua vida?

Compartilhe: Twitter

Hambúrguer, porção de fritas e refrigerante. Ou macarronada com molho bolonhesa. Quem sabe panquecas e salada de tomate. Que prato você escolheria para ser a sua última refeição?

hamburger7

O hábito é comum em prisões norte-americanas em Estados em que há a pena de morte. As refeições campeãs de popularidade entre os condenados são cheeseburguer com fritas, bife, frango frito e sorvete. O departamento de Justiça Criminal do Estado do Texas costumava publicar em seu site uma lista com o nome do prisioneiro e sua respectiva última refeição. Considerada ofensiva, essa página do site deixou de ser atualizada em 2004.

side_salad

Nos Estados Unidos, um condenado à morte teoricamente pode pedir qualquer coisa como sua última refeição. O problema é que o pedido pode ser recusado. Em geral, o cardápio fica limitado à pratos possíveis de serem preparados na própria prisão ou àqueles que podem ser pedidos em restaurantes da cidade. Petições por alcool e cigarros quase sempre são recusadas. Na Flórida, a refeição não pode custar mais do que 40 dólares (cerca de 69 reais).

pizza7a

Preso no Tennessee, Philip Workman pediu que a sua “última pizza” fosse distribuída para os sem-teto da cidade. A polícia não aceitou, mas uma rede de pizzarias distribuiu pizza de acordo com sua vontade.

Por curiosidade mórbida, aí vão outros pedidos:

Sanduíche de queijo
Sanduíche com filé de peixe, batatas fritas e leite
Suco de laranja
Uma maçã
Pizza, café e chá
Camarão e salada
Croquete de salmão com ovos mexidos

Você já pensou qual seria a sua última refeição perfeita?

Autor: - Categoria(s): Comes e bebes Tags: ,
31/10/2009 - 16:46

Pepsi e Fanta em versões japonesas

Compartilhe: Twitter

A Andreia mandou do Japão mais sabores curiosos de refrigerantes para a nossa coleção!

Fanta Cider

Ela conta que a Fanta Cider tem um gosto parecido com o do Sprite. As prateleiras dos supermercados japoneses também têm Fanta sabor cassis, que faz parte da coleção Fanta Mundo. A cassis é o sabor da Nova Zelândia.

Fanta World Cassis.

Essa bebida verde aí embaixo é a Pepsi sabor “shiso”, que Andreia relata como “salgado e muito estranho”. Ela só conseguiu tomar dois golinhos!

Pepsi Shiso

Já a Pepsi Azuki (feijão azuki) ela nem chegou a experimentar. Será que foi trauma? Bem, vou ficar torcendo para a Andreia encontrar alguém que esteja vindo para o Brasil para ver se ela me manda essas preciosidades.

Pepsi Azuki

Autor: - Categoria(s): Comes e bebes Tags: , , , , ,
28/10/2009 - 23:41

Mais três sabores de Fanta

Compartilhe: Twitter

Já escrevi aqui um post sobre os diferentes sabores de Fanta que já experimentei. Pois eu trouxe algumas novidades de minha recente viagem. Num supermercado de Frankfurt, na Alemanha, encontrei a “Fanta Itália”  (que faz parte  daquela série Fanta Mundo). Pelo desenho da embalagem, ela leva laranja, framboesa e blueberry.  A “Fanta Jamaica” estava em falta (o que será que tinha dentro, hein?).

fantalemanha

Você sabia que a Fanta foi inventada na própria Alemanha? Em 1941, durante a Segunda Guerra Mundial, quando a fábrica alemã da Coca-Cola deixou de receber o xarope usado no preparo do refrigerante, inventaram a Fanta. O nome, escolhido pelos empregados da empresa, foi tirado da palavra fantástica, que é parecida em muitas línguas.

Entre 1945 e 1955, a marca Fanta foi usada apenas para não perder o registro. Só foi ressuscitada de verdade para o lançamento de um refrigerante de laranja criado pela Coca-Cola italiana em abril de 1955. Fez sucesso e foi conquistando o mundo, chegando aos Estados Unidos em 1959. No Brasil, a Fanta Laranja foi lançada em dezembro de 1964 e a Fanta Uva, em julho de 1970.

Em Portugal, encontrei outros dois sabores diferentes – abacaxi e maracujá. De todas elas, a minha preferida continua sendo a Fanta Limão. Como eu gostaria que ela voltasse a ser vendida no Brasil.

fanta1

Autor: - Categoria(s): Comes e bebes, Viagem Tags: , , , ,
26/10/2009 - 17:16

O dia em que devorei 14 pastéis de feira

Compartilhe: Twitter

Tomar ou não tomar café da manhã? Se fosse um dia normal, não teria saído de casa em jejum. Mas eu estava me preparando para ser um dos jurados do primeiro Campeonato de Pastel de Feira, hoje cedo, na Praça Charles Miller, em São Paulo. Eram 10 finalistas de 731 inscritos, escolhidos pelo voto popular entre os dias 15 de setembro e 4 de outubro. Cada região da cidade entrou com dois representantes (só a Zona Leste, pelo seu tamanho, escolheu  quatro competidores). Achei melhor ir bem preparado para a competição, ou seja, com muito espaço livre no estômago.

feira-pastel]

O pastel de feira é a comidinha de rua número 1 dos paulistanos. São 2 milhões vendidos por semana. Daí a responsabilidade. Os 10 pasteleiros começaram a montar suas barracas às 8 da manhã. A barraca número 1 – Pastelaria Monte Castelo – levou até cartazes com fotos do açougueiro que fornece a carne para eles. Teve boca de urna, distribuição de brindes e torcida vinda de bairros distantes.

O público presente à final foi convidado novamente a dar notas. Cada pastel custava apenas 1 real. As barracas tinham cupons e duas urnas. Depois de comer, os clientes faziam uma avaliação da barraca que escolhessem. Os jurados tiveram duas horas para fazer o mesmo – só que deveriam percorrer as 10 barracas. Comecei a degustação às 10 horas e só fui terminar às 11h30.

pastel-feira

Como seria impossível comer os 10 pastéis inteiros, os jurados adotaram um sistema muito parecido. Eu fiz assim: a primeira mordida devia deixar o ar quente sair. A segunda servia para analisar o sabor e a textura da massa. Já a terceira mordida deveria acertar em cheio o recheio. Nós, jurados, tínhamos que observar oito itens, incluindo a higiene da barraca, o uniforme dos funcionários, o asseio na manipulação da comida e do dinheiro, a qualidade do óleo. Tivemos que degustar o pastel de carne em todas as barracas para que a avaliação fosse uniforme. Isso me fez lembrar dos tempos em que nossos pais não recomendavam comer pastel de carne fora de casa. Tinham medo da procedência da carne.

Terminados os 10 pastéis, resolvi fazer uma espécie de segundo turno e mata-mata. Voltei a experimentar os quatro que tinha achado melhor. Era o momento do desempate. É verdade que  já estava sentindo o estômago meio pesado.

Os votos do júri técnico e as avaliações populares foram somadas. O título de melhor pastel de feira de São Paulo foi conquistado pela barraca número 6: Pastel da Maria. Kuniko Yonaha, a Maria, de 57 anos, recebeu um cheque de 8 mil reais. Prometeu dividir 3 mil entre as funcionárias (todas estavam uniformizadas, sorridentes) e vai usar os outros 5 mil na reforma da barraca.  O Pastel da Maria era, com certeza, o mais recheado de todos. Ela faz questão de não revelar também os condimentos que usa na carne. “É feito com muito amor. Também precisa ter sexo para trabalhar bem humorada no dia seguinte”, declarou em entrevista à TV Bandeirantes.  Maria contou com uma leve vantagem por “jogar em casa”. É que, toda quinta-feira, ela bate ponto na feira livre da própria Praça Charles Miller. O segundo colocado, Yamashiro Pai, faturou 2 mil reais e o terceiro lugar, a Pastéis Gabi, ficou com 1 mil reais.

feira-vermelho

feira-cheque

Na saída, brindei à vitória de Maria com um bom caldo de cana, vendido ali a 1 real também. Pastel e garapa foi o cardápio de uma manhã muito divertida. A única coisa ruim é que perdi o apetite para o almoço…

Confira a relação de todos os pasteleiros que disputaram a final e seus endereços.

Autor: - Categoria(s): Comes e bebes, São Paulo Tags: , , ,
24/10/2009 - 07:56

O maior hambúrguer do mundo?

Compartilhe: Twitter

Qual é o maior hambúrguer que você consegue imaginar?

whopper7_windows7

Como estratégia de promoção do novo sistema operacional Windows 7, a empresa de tecnologia Microsoft imaginou um sanduíche recheado com 7 hambúrgueres de carne. Disponível apenas no Japão, a delícia incrivelmente calórica mede 13 centímetros e custa  777 yen (cerca de R$14,50 ).  A promoção está prevista para durar (adivinha?) 7 dias.

O que pode parecer gigantesco não é nada comparado ao Mega Whooper servido em Curitiba no mês de junho passado.  O Burger King anuncia que o sanduíche pode ser servido com quantos hambúrgueres o cliente desejar. Um grupo de amigos pediu, então,  um Whooper com 280 carnes. Confira o tamanho do sanduíche!

Autor: - Categoria(s): Comes e bebes Tags: , , , , , ,
22/10/2009 - 14:44

Você já viu uma "língua de veado"?

Compartilhe: Twitter

Não, não estou me referindo ao animal. “Língua de Veado” é o nome de uma bolacha doce muito popular nas pastelarias portuguesas (em Portugal, pastelaria vende doces, e não pastéis). O que me contaram é que o doce tem esse nome porque seu formato lembra mesmo o da língua do animal. Só isso. Há várias receitas na internet. Para ver uma delas, clique  aqui.

linguaveado

Autor: - Categoria(s): Comes e bebes, Viagem Tags: , ,
09/09/2009 - 15:40

Os sabores mais exóticos de sorvete

Compartilhe: Twitter

O programa “É Brasil que não acaba mais”, que vai ao ar nos sábados (13h) e domingos (7h) pela BandNews FM, tem um quadro que se chama “Roda, Brasil”. É uma divertida competição entre as cidades. A cada programa, eu e o Luiz Megale bolamos um desafio. Um deles foi descobrir qual é o sabor mais exótico de sorvete do Brasil. Pra quem perdeu o programa, aqui vai um resuminho:

Na Zona Sul do Rio de Janeiro, a reportagem da BandNews FM encontrou um sorvete sabor “viagra”, inspirado na famosa pílula azul. A receita do sorvete é do sul da Itália e, no Brasil, recebeu adição da erva ginseng. O sorvete, lógico, é da cor azul.

Mais uma do Rio de Janeiro: uma sorveteria carioca oferece sorvete sabor “capuchinha” durante a primavera. A flor comestível é misturada a um creme inglês adoçado com mel e incrementado com gergelim preto. Em Belo Horizonte, uma sorveteria resolveu encarnar o espírito caipira. Lá, é possível encontrar sorvetes de arroz doce, canjica e pé-de-moleque.

Sorvete de queijo, rosas vermelhas, ricota e quentão podem ser encontrados em Curitiba. O fabricante maluco jura que é capaz de produzir sorvete de qualquer sabor. Um dos mais inusitados é o sorvete de aceto balsâmico – feito especialmente para ser servido com saladas. Porto Alegre apresentou o sorvete de azeite, enquanto Brasília trouxe uma coleção de frutos do cerrado, como cagaita, mamacadela e cajá-manga (já apresentados aqui no blog).

A representante de São Paulo foi a sorveteria Damp, que tem sabores de rosa, manjericão, tomate seco e nozes com gorgonzola.

Em viagens, já tomei alguns sabores estranhos, como roquefort (na Espanha) e gergelim (nos Estados Unidos). Veja a cor do sorvete de gergelim no vídeo abaixo:

Qual foi o sabor mais curioso de sorvete que você já experimentou?

Autor: - Categoria(s): Bizarro, Comes e bebes, Viagem Tags: , , , , , ,
02/09/2009 - 16:15

Como alugar uma jabuticabeira

Compartilhe: Twitter

Essa é uma boa história para o programa que acabo de estrear na BandNews FM: É Brasil que Não Acaba Mais (sábados, 13h, com reapresentação aos domingos, 7h). Se você adora jabuticaba, mas não tem um pé da fruta em casa, vale a pena visitar Minas Gerais nessa época do ano.  Muitos sítios alugam seus pés de jabuticaba. O Sítio Palmar , em Sabará, é um deles. A proprietária do local, Almira Morais, aluga as 12 jabuticabeiras que cultiva. Como assim?

Explico: por uma taxa de 50 reais, é possível sentar à sombra de um pé de jabuticaba e ficar ali colhendo e comendo seus frutos. Se você preferir, pode apenas pegar as jabuticabas e ir embora. Mas, segundo a funcionária  Míriam, a maioria dos visitantes consome as frutinhas ali no local mesmo por tempo ilimitado.

Quanto mais árvores alugadas, mais barato é o preço.

Autor: - Categoria(s): Comes e bebes, Cotidiano, Viagem Tags: , , , , , ,
20/08/2009 - 14:33

O sanduíche mais antigo do mundo

Compartilhe: Twitter

O sanduíche foi inventado na Inglaterra por um nobre que não queria interromper nem por um instante seu jogo de cartas.  Em 1762, Lorde John Edward Montague, o Conde de Sandwich, encontrou uma solução criativa para que as refeições não atrapalhassem sua diversão. Ele pediu para que seus criados colocassem salame, presunto e queijo entre duas fatias de pão. Assim, ele poderia comer com uma mão e jogar tranquilamente com a outra.

Dois séculos mais tarde, os descendentes do Conde de Sandwich resolveram continuar a tradição familiar. Fundaram, em 1992, a rede de lanchonetes “Earl of Sandwich”. Atualmente, existem 12 estabelecimentos espalhados pelos Estados Unidos – o mais famoso deles fica localizado no complexo de diversão da Disney, na Flórida.

O carro-chefe do cardápio é um sanduíche batizado de “The Original”, que leva queijo cheddar, rosbife e molho especial com raiz-forte. Não se deixe enganar pelo nome.  Esses ingredientes não foram usados em sanduíches do século XVIII.

Ficou curioso para saber a origem de outras deliciosas invenções culinárias? Saiba mais sobre elas aqui.

Autor: - Categoria(s): Comes e bebes, Invenções Tags: , , , , , ,
Voltar ao topo