Publicidade

Publicidade

Arquivo da Categoria Bizarro

06/05/2010 - 06:38

O inimigo número 1 dos banheiros públicos

Compartilhe: Twitter

Fazer xixi em pé não é mais exclusividade dos homens. Foi lançando no Brasil o OiGirl, a versão do americano GoGirl. O slogan do produto já diz tudo: “Sentada? Só em casa”.

O produto, uma espécie de funil, é feito de silicone, tem formato anatômico e custa 30 reais. A proposta é livrar as mulheres do incômodo de forrar cada pedacinho do vaso sanitário na hora de usar banheiros públicos.

O site do OiGirl traz todas as instruções para utilizar o funil feminino. “Cabe facilmente na sua bolsa, no bolso ou no porta-luvas do seu carro. É uma solução inteligente, durável e reutilizável, bastando enxaguar com água e sabão após o seu uso”. E se não tiver sabão? O funil vai para a bolsa sujo de xixi? “Não se preocupe, a urina é estéril”, afirma o site do fabricante.

Veja a propaganda do OiGirl:

Autor: - Categoria(s): Bizarro, Invenções Tags: , , , ,
26/04/2010 - 21:38

Letras proibidas para placas de carro

Compartilhe: Twitter

As placas com três letras e quatro números começaram a ser usadas no Brasil em fevereiro de 1990. Antes, as placas eram amarelas e tinham duas letras e quatro números. Algumas combinações de letras foram proibidas, como CUS, GAY e CKH, por serem consideradas chulas ou constrangedoras. O curioso é que todas elas seriam usadas em São Paulo. Cada Estado ficou com uma fatia do abecedário. Coube a São Paulo todas as placas entre BFA-0001 e GKI-9999. Ou seja, aqui, você jamais verá um táxi circulando com essa alegre combinação, como fotografou um brasileiro em lua-de-mel  na Argentina.

Autor: - Categoria(s): Bizarro, Cotidiano, Humor, Viagem Tags: , ,
24/04/2010 - 22:47

Aquários para todas as ocasiões

Compartilhe: Twitter

Conheço muita gente que tem aquários na sala de casa. Muitas vezes ficar vendo o que se passa no aquário é mais interessante do que se vê na televisão, por exemplo. Mas você pode fugir do lugar-comum na hora de comprar um aquário para sua casa. Veja alguns bem curiosos, à venda no site Opulent Items.

O primeiro deles faz parte de uma pia e se chama o Aquarium Sink. Embora seja uma pia de verdade, não há perigo de os peixinhos escaparem pelo ralo. Custa US$ 4.600 (R$ 8.110,00).

O Labyrinth Aquarium é uma mesa com labirinto para peixes. As dimensões da peça não são das mais discretas. O preço é de US$ 6.500 (R$ 11.464,00).

Outra opção é a Coffee Table Aquarium, que você pode combinar com a End Table Aquarium. Em outras palavras, é a velha dupla mesinha de centro com mesinha de canto. Só que com peixes. O conjunto sai por US$ 950 (R$ 1.675,00).

Autor: - Categoria(s): Bizarro, Invenções Tags: , , , , , ,
22/04/2010 - 19:08

Os ETs estão entre nós? Você é um deles?

Compartilhe: Twitter

Você acredita que nós não estamos sozinhos no Universo? Então saiba que você não é o único a pensar assim. Uma pesquisa revela que 20% da população mundial  acredita na existência de seres extraterrestres. E mais: eles vivem disfarçados entre os humanos.

A pesquisa foi feita pela Ipsos. Foram entrevistadas cerca de 23 mil pessoas adultas em 22 países. O primeiro colocado no ranking é a Índia –  45% dos entrevistados acredita em vida alienígena. . Em segundo lugar ficou a China, com 42%. O Brasil terminou  na 6ª posição, empatado com os Estados Unidos, com  24%. Os mais céticos foram holandeses, suecos e belgas, com  8%.

Coisa de maluco? Nem para todos. O ex-beatle John Lennon, por exemplo, era fascinado pelo assunto. Em agosto de 1974, ele garantiu que viu um óvni da varanda de seu apartamento, em Nova York. O episódio deu o que falar e o que cantar, pois o músico compôs até a canção “Nobody Told Me”, que diz: “There’s UFOs over New York, and I ain’t too surprised” (Há óvnis em cima de Nova York, e eu não estou surpreso). Além de Lennon, o ex-presidente americano Jimmy Carter e o astrônomo Clyde Tombaugh também afirmaram terem visto discos voadores pelo céu.

No Brasil, Chico Buarque e Maria Bethânia afirmam já terem visto objetos voadores não-identificados. Gilberto Gil e Gal Costa, por sua vez, contam que tiveram até contato com alienígenas. Já Elba Ramalho relatou uma história ainda mais impressionante em 2001. Segundo a cantora, extraterrestres lhe implantaram um microchip, retirado mais tarde por “seres celestiais ultra-supra-luminosos”. No mesmo ano, a atriz Suzana Alves, a “Tiazinha”, declarou que tinha visto um disco voador num programa de TV. Ela havia até gravado o objeto luminoso.  No entanto, descobriu-se mais tarde, o tal disco voador era apenas um dirigível que fazia propaganda da Goodyear.

Esse tema sempre  gera muita polêmica. O engraçado é que, se os 20% estiverem certos, alguns alienígenas disfarçados de humanos devem estar lendo esse mesmo post agora. Ei, por falar nisso, você é um deles?

Autor: - Categoria(s): Bizarro, Celebridades, Cotidiano Tags: , , , , , ,
17/04/2010 - 17:23

Produtos que vão mudar a sua vida

Compartilhe: Twitter

A SkyMall é uma empresa semelhante ao já conhecido Polishop: oferece produtos que podem “mudar a sua vida completamente”. Veja alguns exemplos:

Comer verduras recém-colhidas não precisa ser privilégio só de quem vive  no campo. Quem mora na cidade pode comprar uma AeroGarden Pro. Coloque as sementes, a água e os tabletes de nutrientes (tudo isso vem junto com o kit da máquina), e assista a sua plantação crescer. A AeroGarden Pro controla a luz e a quantidade de água e de nutrientes que a planta absorve. Tudo em um passe de tecnologia. Custa US$ 169.

Você não fica nervoso quando está em frente ao caixa  e precisa  procurar o cartão correto no meio de tantos outros? Para aumentar a pressão, a fila,  impaciente, cresce atrás de você.  O ACM Wallets separa os cartões de crédito, os documento e as carteirinhas de identificação. Você aperta o botão do cartão que está procurando e ele sai automaticamente do aparelhinho para suas mãos. O modelo com capacidade para 12 cartões sai por US$ 59,99.

Esse é para quem tem filhos que pretendem seguir a carreira da medicina, ou que simplesmente gostam de fazer cirurgias em bichos de pelúcia. O uniforme personalizado Toddler Scrubs vem com o sobrenome do pequeno doutor bordado. O preço é US$ 39,95.

Problemas  com fechos de pulseiras, braceletes e colares?  O Bracelet Buddy permite que você coloque sozinho seus acessórios. Custa US$ 8,95.

Como é que conseguimos  viver até agora sem tudo isso?

Autor: - Categoria(s): Bizarro, Cotidiano, Invenções Tags: , , , , , , , , ,
26/03/2010 - 16:44

A Segunda Guerra Mundial de Travesseiros

Compartilhe: Twitter

Preparar, apontar e… travesseiros! No próximo dia 3, o Brasil vai participar da segunda edição do Dia Mundial da Guerra de Travesseiros. No ano passado, o evento contou com 3 mil participantes no país todo, um terço só em São Paulo. Foram 27 cidades guerreando ao mesmo tempo. Para 2010, já são 30 as cidades cadastradas. A expectativa é que o número cresça para 10 mil participantes. São esperados 3 mil “soldados” em São Paulo, que terá o Vale do Anhangabaú como cenário.

Por aqui, quem organiza o evento é o MOBrasilNEWS.com, o maior site especializado em flash mob (ações inusitadas que reúnem várias pessoas) do país. Mas a ideia original é canadense – o grupo “New Mind Space” organizou o primeiro “Pillow Fight Day” em 2006. Hoje, eles mantêm um site específico para a guerra de travesseiros para cadastrar todas as cidades que vão aderir ao movimento ao redor do mundo.

Veja as cidades que vão participar do Pillow Fight Day:

Interessado? Então, vamos às regras. A primeira delas é que a batalha não tem hora para acabar. Porém, os organizadores pedem para que os participantes não continuem depois do anoitecer, pois precisa sobrar tempo suficiente para limpar o local. Recolher os destroços da batalha é de responsabilidade dos guerreiros. As prefeituras não têm nada a ver com isso.

Cada um leva o seu travesseiro, e é uma boa ideia levar alguns extras para emprestar para guerreiros sem armas. Mas eles devem ser de penas artificiais, ou seja, nada de penas de ganso. Outro detalhe importante: não vale atacar quem não tiver com travesseiro ou com almofada para se defender. Nada de  colocar objetos dentro das fronhas.

E não se esqueça de ter na ponta da língua a resposta oficial preparada para o caso de a imprensa aparecer: “Vim agora da Casas Bahia (ou qualquer outra loja), fui lá comprar almofadas. Passei aqui e, de repente, me jogaram no meio disso”. O responsável pelo MOBrasilNEWS.com, Caio Komatsu, explica: “É uma característica do flash mob dar a ideia de que aquilo não foi previamente combinado, apenas um fruto do acaso”.

A guerra começa às 17 h, e é totalmente gratuita. Vale lembrar que os travesseiros que sobreviverem serão doados com todas as honras para uma ONG de reciclagem.

Autor: - Categoria(s): Bizarro, Cotidiano, Datas Comemorativas, Humor Tags: , ,
25/02/2010 - 17:41

Os homens que chegaram ao fundo do mar

Compartilhe: Twitter

Localizada ao sul do Japão e ao norte da Papua Nova Guiné (Oceania), a Fenda Mariana tem cerca de 10.916 metros de profundidade. Para efeito de comparação, uma aeronave Airbus A-320 consegue subir a até 12.131 metros do chão.

O australiano Herbert Nitsch, recordista de mergulho em profundidade, estabeleceu sua melhor marca em 14 de junho de 2007: 214 metros. Uma baleia azul, o maior animal da Terra, consegue afundar a, no máximo, 500 metros de profundidade. Nenhum desses números chega perto dos 10.916 metros da Fenda Mariana. Até mesmo a luz solar só consegue ser vista a até aproximadamente 1 mil metros de profundidade.

Mas a alta pressão e a falta de luz não impedem que a vida fique longe do fundo do mar. A Zona Abissal, entre 4 mil e 6 mil metros de profundidade, é o lar-doce-lar dos seres abissais, animais que não precisam subir à superfície para sobreviver. Dentre esses bichos, estão os belos (!!!) peixes Lophiiformes.

398032677_dfab408834

Depois disso tudo, ainda mais abaixo, apenas três expedições tiveram o privilégio de chegar. Só a primeira, em 1960, foi tripulada. O norte-americano Don Walsh e o suíço Jacques Piccard chegaram ao ponto mais fundo do oceano que o homem descobriu até hoje. A bordo do submarino Trieste, Don e Jacques atingiram a profundidade de 10.911 metros às 13h06 do dia 23 de janeiro de 1960.

Bathyscaphe_Trieste_Piccard-Walsh

A pressão da água sobre a embarcação era tanta que uma das janelas rachou, mesmo sendo feita com um vidro de 19 centímetros de espessura. Os aventureiros demoraram cerca de 5 horas para descer, e ficaram apenas 20 minutos no fundo. Lá, encontraram alguns peixes, e descobriram uma nova espécie de camarão. Até então, acreditava-se que não havia bichos que sobrevivessem àquela profundidade.

Hoje em dia, aos 78 anos, Don Walsh (na foto, à esquerda) atua como consultor em trabalhos que envolvem grandes profundidades no oceano. Jacques Piccard morreu aos 86 anos, em 1º de novembro de 2008, de causas naturais. Ele morava às margens do lago Léman, e mergulhou pela última vez aos 82 anos.

walsh

Autor: - Categoria(s): Bizarro, Recorde Tags: , , , , , , , ,
23/02/2010 - 17:04

O chaveiro que grita e urra

Compartilhe: Twitter

Este é mais um produto da série “não falta inventar mais nada”. Ao pressionar o botão vermelho do centro, o chaveiro-orgasmo começa reproduzindo sussuros, que depois vão crescendo, crescendo e se transformam em gritos e urros. O orgasmo, em questão, é feminino. Qual será a utilidade do aparelhinho? Deixar o vizinho com inveja?!?

DSC09233

Autor: - Categoria(s): Bizarro, Humor, Sexo Tags: , ,
18/02/2010 - 19:58

Catarina quer chorar. Ela tem um gatinho!

Compartilhe: Twitter

À primeira vista, o caso de Catarina Mattar poderia ser um simples erro de programação. Cliente da operadora de telefonia TIM, a carioca começou a receber contas com um nome esquisito. Suas contas passaram a vir endereçadas para: “Catarina Quer Chorar Ela Tem Um Gatinho”. Você não leu errado, é isso mesmo: “Catarina Quer Chorar Ela Tem Um Gatinho”.

Com um problema em relação aos serviços prestados pela TIM, Catarina ligou diversas vezes à operadora, procurando uma solução. Foram tantas as reclamações, que, em uma das vezes, a cliente não aguentou e caiu no choro. Argumentou ainda que, por morar sozinha — apenas com seu gato —, não podia perder tempo com as ligações. Daí para frente, Catarina Elias Jacob Mattar virou “Catarina Quer Chorar Ela Tem Um Gatinho”. Uma brincadeira do atendente mudou todo o cadastro da consumidora.

José Carlos Paes, desembargador do Tribunal de Justiça do Rio de Janeiro, deu ganho de causa a Catarina, que deverá receber uma indenização de 12 mil reais por danos morais.

angry_wet_cat

Já o problema de outro consumidor foi com uma loja de eletrodomésticos. Ele comprou uma televisão a prazo mas, ao chegar em casa, percebeu que o aparelho estava com defeito. Não conseguiu trocar, entrou na Justiça, e ganhou a causa.

O juiz Cláudio Ferreira Rodrigues, autor da sentença a favor do consumidor, justificou por que tomou sua decisão da seguinte maneira: “Sem ele [o aparelho de TV], como o autor poderia assistir às gostosas do Big Brother, ou o Jornal Nacional, ou um jogo do Americano x Macaé, ou principalmente o jogo do Flamengo, do qual o autor se declarou torcedor?”. Dias depois, o próprio juiz se declarou torcedor rubro-negro.

Outro juiz do Rio de Janeiro também usou palavras pouco ortodoxas para proferir sua sentença. Paulo Mello Feijó se referiu a uma das partes de um processo como “solene corno”. O corno, no caso, era um policial federal que fora traído pela mulher e ameaçou o amante dela.

Dias depois, o próprio amante foi à corregedoria da PF e pediu a abertura de uma investigação contra o “solene corno”. O marido, irritado com a exposição do caso, entrou com o processo na Justiça, mas acabou derrotado.

E quando não são as sentenças que são bizarras, e sim as leis? Confira um livro que reúne as leis mais esdrúxulas de todo o mundo.

Autor: - Categoria(s): Bizarro, Brasil Tags: , , , , , ,
07/02/2010 - 20:59

Hotéis curiosos ao redor do mundo

Compartilhe: Twitter

Sei que mal acabaram as férias de janeiro, mas é bom já ir se programando para as de julho.  Sabe onde você vai se hospedar?

Na Turquia, o hotel Marmara Antalya acabou com o problema da vista.  Há 24  apartamentos num prédio giratório. A cada 2 minutos, todo o prédio roda, tornando assim a vista do Mar Mediterrâneo democrática. Para os hóspedes que sentem enjoo, a direção do hotel explica que existem outros 214 apartamentos fincados no chão.

turquia

Graças a seus maravilhosos museus, Paris é a capital mundial das artes. Por isso, o  Apostrophe Hotel é um lugar perfeito para se hospedar. Todos os 16 apartamentos possuem temas culturais, que vão de poesias escritas nas paredes a notas musicais nas cortinas.

franca

Mas, se o seu negócio é dormir num lugar que tem o  seu jeito, o destino pode ser  o Propeller Island City Lodge, em Berlim. A equipe do hotel está preparada para atender os mais bizarros pedidos em relação ao quarto: dormir em caixão, saco de batatas como travesseiro ou até uma suíte com todos os móveis colados no teto.

berlim

Autor: - Categoria(s): Bizarro, Viagem Tags: , , , , ,
Voltar ao topo