Publicidade

Publicidade
16/12/2009 - 00:32

O brasileiro que participou do Dia D

Compartilhe: Twitter

O nome é francês, mas Pierre Clostemann nasceu em Curitiba (PR), no dia 28 de fevereiro de 1921.

clostermann

Aviador membro da Real Força Aérea britânica (RAF) durante a Segunda Guerra Mundial, Pierre é o único brasileiro conhecido a ter participado do chamado Dia D – desembarque das tropas Aliadas na costa da Normandia, considerada uma data decisiva para o conflito. Pierre viveu pouco tempo no Brasil. Filho de diplomatas, ele logo voltou para a França.  Mas aprendeu a pilotar no Aeroclube do Brasil, em Manguinhos (RJ), aos 16 anos, durante uma temporada no país.

Em 1948, escreveu o livro “Le Grande Cirque” (traduzido aqui como “Fogo no Céu”), em que conta suas memórias como piloto de combate. A obra foi uma das leituras de João Barone, aficcionado por Segunda Guerra.

minhaseg

O baterista do Paralamas do Sucesso é filho de um ex-combatente da FEB (Força Expedicionária Brasileira) e um verdadeiro curioso sobre o assunto. Barone narra seu emocionado encontro com Pierre Clostermann no livro “A Minha Segunda Guerra”.

Pierre Clostermann morreu no dia 22 de março de 2006, aos 85 anos.

Autor: - Categoria(s): Baú, Brasil Tags: , , , ,

Ver todas as notas

2 comentários para “O brasileiro que participou do Dia D”

  1. Pierre Clostermann, além de grande aviador também escreveu belos livros sobre suas atividades aéreas, ocorridas também no Norte da ´Africa. Na literatura sobre aviação não tem aparecido os livros dele.

  2. Pierre Clostermann, alé de grande piloto de caça foi também bom escritor. Voou também na guerra no Norte de África. É lament´´avel que os livros dele sumiu das pratileiras. PERY

Os comentários do texto estão encerrados.

Voltar ao topo