Publicidade

Publicidade

Arquivo de dezembro, 2009

29/12/2009 - 16:19

Feliz ABBAno Novo!

Compartilhe: Twitter

2009 está chegando ao fim… Hora de fazer aquele bom e velho balanço dos últimos 12 meses. No começo do ano, lancei “Um Livro Fechado para Reforma“, o primeiro a falar de reforma ortográfica para crianças. Na TV, além do já consagrado “Loucos por Futebol”, comecei a apresentar o Game Up, na ESPN Brasil. O programa já é um sucesso entre os gamers. Outra boa notícia foi a minha volta à BandNews FM. Para os ouvintes de São Paulo, apresento diariamente o quadro “É São Paulo que Não Acaba Mais“. Sábados e domingos, os ouvintes do país inteiro conferem o “É Brasil que Não Acaba Mais“, que faço ao lado do talentoso Luiz Megale.  No “Fanáticos por Futebol”, na Rádio Bandeirantes, divido agora a apresentação com Sérgio Patrick, outra grande novidade  de 2009. O programa está muito mais dinâmico.  O twitter de “O Guia dos Curiosos”  está perto de alcançar a marca de 5 mil seguidores. Em resumo: só coisas boas!

Agora é hora de dar uma paradinha para recarregar as energias. 2010 promete ser um ano cheio de trabalho e de mais curiosidades.  Prometo que muitas novidades vão pintar logo no comecinho do ano na ESPN-Brasil, na Rádio Bandeirantes, na BandNews FM, no Jornal da Tarde e na Panda Books.

Para festejar a entrada do Ano Novo, ouça “Happy New Year” com o grupo ABBA. Durante muitos anos, a TV sueca exibiu esse clipe à meia-noite. Feliz 2010!!!

Autor: - Categoria(s): Brasil, Cotidiano, Datas Comemorativas, Jornalismo, Você é curioso Tags: , , , , , , , , , , , ,
25/12/2009 - 20:58

Nos embalos da discoteca

Compartilhe: Twitter

O “Você é Curioso?” comemora a passagem de ano mais cedo. Amanhã, sábado, você poderá curtir um especial só com músicas dos tempos da discoteca. O colaborador Antônio Mier vai explicar a origem do gênero e vai relembrar dos principais hits. Uma das músicas daquela época é “One For Me, One For You”, com La Bionda, de 1978:

Num dos blocos, Antônio Mier vai mostrar como a discoteca se manifestou também na Europa. Um exemplo clássico é o grupo francês Santa Esmeralda, com “Don’t Let Me Be Misunderstood”.

Você pode ouvir o programa por aqui, das 10h ao meio-dia, ou baixar o podcasting depois. Feliz Ano Novo!!!

Autor: - Categoria(s): Música, Você é curioso Tags: , , , ,
23/12/2009 - 14:58

A polêmica sobre a letra do Hino Nacional

Compartilhe: Twitter

Não é a primeira vez que esse assunto vem à tona.  Um vídeo que se tornou um viral  na internet nos últimos meses fala de  uma suposta introdução ao Hino Nacional Brasileiro. Seria um trecho do hino que teria se perdido ao longo do tempo.

Vamos aos fatos: o vídeo foi produzido pela equipe da agência de comunicação DW, e traz uma gravação da letra atribuída a Américo de Moura, um político que foi presidente das províncias do Rio Grande do Sul e do Rio de Janeiro — cargo semelhante ao atual governador — no final do século XIX.

Gabriel Klein, dono da agência, explica que o vídeo foi feito por acaso. “Estávamos pesquisando material para um cliente e descobrimos essa letra. Fomos eu e mais dois para o estúdio e gravamos em cima da música, por diversão.”

De acordo com Cecília Duque-Estrada, bisneta de Osório Duque-Estrada — compositor do Hino Nacional —, não há mesmo qualquer registro de que essa introdução tenha feito parte do Hino Nacional, escolhido em um concurso público, em 1909. “Não achamos nenhuma referência a essa introdução nos textos do Osório”, explica Cecília. Ela montou, junto com a irmã, Eliza, o site Hino 100 Anos, que comemorou este ano o centenário do Hino Nacional. “Perguntamos a músicos e eles nos confirmaram que a letra dessa suposta introdução não segue a métrica do resto da música”, conclui Cecília.

Quer saber mais sobre hinos? Confira o livro “Hinos de Todos os Países do Mundo”.

Autor: - Categoria(s): Sem categoria Tags: , , , ,
21/12/2009 - 17:25

Quais são as suas promesssas de Ano Novo?

Compartilhe: Twitter

Listas de resoluções de Ano Novo existem há 4 mil anos. Elas foram uma invenção dos babilônios, que viam na data uma oportunidade para começar um novo ano livre de dívidas e pendências.

Desde então,  as listas de resoluções de Ano Novo não mudaram muito: emagrecer, ter mais tempo para a família, viajar, ler mais, gastar menos dinheiro…

bucket list

Ainda assim, se você não quiser se sentir solitário na hora de escrever sua listinha, é só entrar nesse site aqui:

New Year's Resolutions on 43 Things

Até o momento, 84.745 pessoas fizeram 172.806 resoluções para 2010 e postaram isso no 43things –  uma rede social cujo objetivo é ajudar as pessoas a cumprir suas promessas, planos e metas.

Afinal, um estudo feito pela Universidade de Washington em 1997 concluiu que 47% das pessoas que faziam promessas de Ano Novo desistiam dos objetivos em 2 meses. Entretanto, especialistas concordam que atos como escrever suas resoluções, compartilhar objetivos e acompanhar seu progresso são de grande ajuda para conseguir cumprir as promessas.

No site é possível criar um perfil, uma lista de objetivos e ainda ajudar os outros. Sempre que você cumpre uma resolução, é possível dar conselhos para outras pessoas. O 43things mantém até uma lista de tendências nas promessas de Ano Novo. Por exemplo, em 2008, “perder peso” foi o objetivo do maior número de pessoas no site. Já em 2009, “poupar dinheiro” foi o campeão, seguido de “para de roer as unhas”.

E você? Quais serão suas resoluções de Ano Novo para 2010?

Autor: - Categoria(s): Datas Comemorativas Tags: ,
18/12/2009 - 23:04

Jabuticaba para brindar o Ano Novo!

Compartilhe: Twitter

Cansado de brindar o Ano Novo com o espumante de sempre?

esp-caixa

Que tal  experimentar um espumante com sabor de… jabuticaba! O “Villardi Jabuticaba Sparkling” é uma edição limitada da bebida, lançada esse ano pela Vinícola Villardi. O “kit sparkling” (com as duas incríveis taças da foto acima) está disponível no site “Jabuticaba na Garrafa” por R$ 32,00. Só a garrafa custa R$16,00.

esp-close

Ah, para abrir uma garrafa de espumante como um verdadeiro campeão de Fórmula 1, basta seguir esses passos:  balance a garrafa e, com os polegares, empurre a rolha para a frente e para trás até que ela saia, produzindo o som de um tiro. A rolha voadora chega a atingir uma velocidade de até 60 km/h. Os especialistas em vinho, porém, não recomendam a técnica. Eles dizem que ao sacudir e derramar a bebida perde-se o gás e a espuma, que justamente caracterizam a bebida.

Quer saber como alugar sua própria jabuticabeira? Relembre nesse post aqui.

Autor: - Categoria(s): Bizarro, Brasil, Comes e bebes Tags: ,
18/12/2009 - 09:39

Bonecas para homens — e não são infláveis!

Compartilhe: Twitter

Brincar de boneca é coisa de criança, certo? Pois você terá que rever seus conceitos. Tem muito marmanjo que resolveu brincar… de boneca. Não estou falando de Falcons ou Comandos em Ação. Estou falando em bonecas mesmo. Os homens estão se encantando com bonecas chamadas  “Dollfies”.

dollfie_041

Criadas em 1997, essas bonecas viraram febre rapidinho. Elas são vendidas “nuas”, ou seja, não vêm com nada pintado, nem olhos, nem boca, nada. O comprador, nesse ponto, se torna artista, e pode fazer sua própria boneca — e aí está a graça de colecionar Dollfies.

dollfie_05

As Dollfies estão disponíveis em três tamanhos: 22, 25 e 27 centímetros. No site da empresa japonesa Volks — que não tem nada a ver com a montadora — é possível montar sua própria boneca, escolhendo até mesmo o tamanho dos seios.

dollfie_06

A dica veio do blog do Douglas Nascimento.

Autor: - Categoria(s): Bizarro Tags: , , ,
16/12/2009 - 00:32

O brasileiro que participou do Dia D

Compartilhe: Twitter

O nome é francês, mas Pierre Clostemann nasceu em Curitiba (PR), no dia 28 de fevereiro de 1921.

clostermann

Aviador membro da Real Força Aérea britânica (RAF) durante a Segunda Guerra Mundial, Pierre é o único brasileiro conhecido a ter participado do chamado Dia D – desembarque das tropas Aliadas na costa da Normandia, considerada uma data decisiva para o conflito. Pierre viveu pouco tempo no Brasil. Filho de diplomatas, ele logo voltou para a França.  Mas aprendeu a pilotar no Aeroclube do Brasil, em Manguinhos (RJ), aos 16 anos, durante uma temporada no país.

Em 1948, escreveu o livro “Le Grande Cirque” (traduzido aqui como “Fogo no Céu”), em que conta suas memórias como piloto de combate. A obra foi uma das leituras de João Barone, aficcionado por Segunda Guerra.

minhaseg

O baterista do Paralamas do Sucesso é filho de um ex-combatente da FEB (Força Expedicionária Brasileira) e um verdadeiro curioso sobre o assunto. Barone narra seu emocionado encontro com Pierre Clostermann no livro “A Minha Segunda Guerra”.

Pierre Clostermann morreu no dia 22 de março de 2006, aos 85 anos.

Autor: - Categoria(s): Baú, Brasil Tags: , , , ,
14/12/2009 - 23:08

A pressa é inimiga da "perfeissão"!

Compartilhe: Twitter

rapidez

O sujeito colocou seus banners por toda a parte. Por sorte, o que ele oferece é fluência em inglês, e não em português…

(Conheça outras aberrações desse tipo em “O Brasil das Placas”)

Autor: - Categoria(s): Bizarro, Brasil, Humor Tags: , ,
14/12/2009 - 22:57

Onde fica a "Armando Pinto"?

Compartilhe: Twitter

armandopinto

Parece brincadeira, mas é sério! Essa rua existe e fica no Alto de Pinheiros, em São Paulo.

Para conhecer outras 1075 curiosidades sobre São Paulo, clique aqui.

Autor: - Categoria(s): Bizarro, Cotidiano, Humor, São Paulo Tags: , ,
11/12/2009 - 21:00

Os casos de doping nos campos brasileiros

Compartilhe: Twitter

O atacante Jobson, que jogou o Brasileirão pelo Botafogo, é o mais recente caso de doping no futebol. Na partida contra o Coritiba, dia 8 de novembro, o jogador foi pego no exame antidoping por uso de cocaína. Jobson estava emprestado ao alvinegro carioca pelo Brasiliense, e tinha um pré-contrato assinado com o Cruzeiro para a próxima temporada. Caso o doping se confirme, e o atacante seja suspenso, é improvável que ele vá para a equipe mineira.

jobson

Depois de vencer o Campeonato Brasileiro de 1990 pelo seu clube do coração, o Corinthians, Dinei passou pelo futebol suíço e por Guarani, Portuguesa, Internacional e Cruzeiro, antes de chegar ao Coritiba, em 1996. Foi quando um teste antidoping deu positivo para cocaína, e o jogador admitiu ser usuário da droga. Ele foi suspenso por 240 dias. Em 1998 voltou para o Corinthians e venceu mais dois Brasileiros e o Mundial de Clubes da Fifa.

dinei

Mas nem sempre a culpa pelo doping é do atleta. Foi o caso de Dodô, do Vasco, em 14 de junho de 2007. Em um teste feito depois da partida Botafogo 2 x Vasco 0, dois gols do atacante, ficou constatado que a urina de Dodô continha a substância femproporex, usada para perda de peso. Dodô jurou de pés juntos que não havia consumido nada fora do clube. A palavra dele só foi confirmada depois que testes feitos pela USP detectaram a femproporex em comprimidos de cafeína servidos pelo clube aos jogadores. Mesmo assim, o atacante foi suspenso por 2 anos, e deve voltar aos gramados no ano que vem.

Um dos mais antigos casos de doping no Brasil foi o do atacante Campos, do Atlético Mineiro. Em 1973, Campos foi atingido pelo joelho do zagueiro vascaíno Renê — o mesmo que marcou o pênalti que resultaria no milésimo gol de Pelé. Tomando remédios para se recuperar, o jogador atleticano foi suspenso por 60 dias, depois que o exame antidoping apontou a substância efedrina em sua urina.

campos

Quer mais? Entre no Guia dos Curiosos Futebol e veja mais casos de doping.

Autor: - Categoria(s): Sem categoria Tags: , , , , , , , , , ,
Voltar ao topo