Publicidade

Publicidade
07/07/2009 - 14:55

A "stripper" que se formou em Harvard

Compartilhe: Twitter

Um dos papéis mais conhecidos da carreira da atriz Natalie Portman foi o da stripper do filme “Closer – Perto Demais”, dirigido por Mike Nichols. A cena insinuante e os diálogos picantes com o ator  Clive Owen podem fazer qualquer um pensar que Natalie é mais uma daquelas atrizes que primam só pela beleza. Não é bem assim.  Hollywood tem uma safra grande de atrizes que fizeram universidade e que são defendem causas sociais bastante sérias. Conheça algumas delas:  

Natalie Portman, nascida em Jerusalém (Israel), em 1981,  é formada em Psicologia pela Universidade de Harvard. Além disso, a atriz fala hebraico e estudou francês, inglês, japonês, alemão e árabe. Vegetariana desde criança, Natalie é ativista dos direitos dos animais e possui sua própria linha de sapatos “vegan”, que não utilizam nenhum tipo de produto derivado de animais durante sua produção.

Kate Beckinsale

Outra linda estrela que também se destaca por sua inteligência  é a atriz inglesa Kate Beckinsale. Nascida em 1973, Kate ganhou prêmios por seus poemas e contos na adolescência e estudou literatura francesa e russa em Oxford. Tudo isso antes de interpretar a vampira sexy no filme ” Underworld – Anjos da Noite” (2003).

Jodie Foster

Jodie Foster iniciou a carreira de atriz em 1965, aos 3 anos, estrelando comerciais. A intérprete de Clarice Starling em “O Silêncio dos Inocentes” (1991) foi oradora de sua turma no colegial e estudou Literatura na Universidade de Yale.

Claire Danes

A carta de recomendação de Claire Danes para a universidade foi escrita pelo cineasta Oliver Stone. Nascida em 1979, a loirinha cursou dois anos de Psicologia em Yale. Um de seus papéis mais famosos é o de Julieta na versão do cineasta Baz Luhrmann do clássico shakespeariano “Romeu + Julieta” (1996), ao lado de Leonardo DiCaprio.

Alicia Keys

A música nova-iorquina Alicia Keys começou a tocar piano aos 7 anos. Aos 14 anos, estava formada pela Professional Performing Arts Schools e, três anos depois, matriculada na Universidade da Columbia.  Seu disco de estreia, “Songs in A Minor”, foi lançado quando a cantora tinha 20 anos e vendeu 12 milhões de cópias no mundo todo. Alicia Keys é co-fundadora da ONG “Keep a Child Alive” (“Mantenha uma criança viva”), que fornece remédios para crianças africanas portadoras do vírus da AIDS.

Elisabeth Shue

O delicado papel de uma prostituta apaixonada por um alcóolatra suicida (Nicolas Cage) em “Despedida em Las Vegas” rendeu a Elisabeth Shue uma indicação ao Oscar de Melhor Atriz, em 1995. Antes da carreira de atriz, porém, Elisabeth estudou nas Universidades de Columbia e de Harvard. Apesar de ter abandonado Harvard para atuar, Elisabeth retornou em 2000 e formou-se em um curso equivalente à Administração.

Autor: - Categoria(s): Celebridades Tags: , , , , , , , , ,

Ver todas as notas

32 comentários para “A "stripper" que se formou em Harvard”

  1. Paulo Sérgio disse:

    Ei Seu Nitro urina, se você não gota das nossas lindas mulheres, ddeve ser por que é viado ou gringo. e você, Seu sacana, o nosso querido presidente pode ser de origem humilde sim, mas porem, tem se esforçado muito em fazer deste País uma nação mais justa. E quanto às ”poposudas”, será que você não gosta tambêm. Que País è este?

  2. luis disse:

    Até nessas os caras culpam o Lula. Aqui em nosso país e nos paises dessas lindas mulheres, o nosso presidente é adorado! Faça uma pesquisa e pergunte a estas brilhantes mulheres que você tanto adora o que elas acham do presidente do Brasil.
    É, acho que no Brasil, são os ignorantes que não sabem o que é bom!
    Essas mulheres todas são engajadas em causas sociais, coisa que tucano nunca soube se meter.

  3. THIAGO disse:

    ele pode ate ser semi-analfabeto, mas ele fez muito mas que os outros….

  4. tom ferreira disse:

    Porra, inteligente e bonita. Tem que ser um Pedro Paulo Diniz da vida pra conquistar uma dessas.

  5. Coisa muito rara hoje em dia :)

  6. Adilson disse:

    È isso aí, a inteligência em muitas mulheres as fazem musas, deusas e até servem como tranpolim para quem estiver ao seu lado ou com elas. O que acontece é que muitos não sabem conviver com estas mulheres, pois ainda não se livraram do maxismo, da supremacia do homem e do direito de igualdade.

  7. Alexandre disse:

    Enfim as exceções…!E nem precisava!

  8. Dorival - Campinas - SP disse:

    … è igual aqui com morangos, melancias e outras frutas com níveis em “revistas e show dentro ” das universitárias …. também nos esportes com milhões de dolares nas mãos de procuradores pois os “astros” não sabem ler e nem somar ….

  9. Todos nos temos ambiçãoes, a sorte e uma so´vez,aproveitar a beleza, no auge, que somos flores,que estamos na primavera, a qual um dia , florece , mucha e seca,e´a opurtunidade que não dura para sempre,inicia como o nascer de uma aurora toda dourada, e termina com ,o recolher do Sol,dando uma enorme escuridão,retocada pela Lua.Agradecemos ao Jeova deus,por tudo oque nos foi dado ,e aproveitamos os seus encinamentos evangelicos.Ai colhemosao nosso ente querido,e ao casamento, produzimos os nossos ,brotos,que serão,os amores de nossos amor sem fim.

  10. Natalie Portman fala hebraico e estudou francês, inglês, japonês, alemão e árabe! O que essa menina está fazendo em vez de estudar pra descobrir a cura de várias doenças?!

  11. Adriana Bittar disse:

    RESPOSTA AO “RONALDO”, DA SEGUNDA MENSAGEM:
    Ronaldo, você estranhou a minha escrita, então quero te contar que, apesar de ser até bonitinha, sei que o verbo “viver”, no sentido de “saudar”, concorda normalmente com o sujeito posposto, portanto a frase “Vivam as mulheres bonitas e inteligentes” está correta.
    Um beijo pra você.

  12. Adriana Bittar disse:

    Richard, não conheço nenhum Emerson. A família Bittar é muito grande.
    Beijo,

Os comentários do texto estão encerrados.

Voltar ao topo