Publicidade

Publicidade
14/05/2009 - 00:02

Guerra dos polegares nas estrelas

Compartilhe: Twitter

Quem faz aniversário hoje é o diretor George Lucas. O criador de Guerra nas Estrelas e Caçadores da Arca Perdida está completando 65 anos. Ele cresceu num rancho que produzia nozes. Ainda jovem, George Lucas quis ser piloto de carro de corrida, mas sofreu um sério acidente automobilístico. Passou meses numa cama de hospital e desistiu da idéia.

Em 1967, Lucas ganhou uma bolsa do estúdio Warner Brothers para acompanhar as filmagens de “Finian’s Rainbow” (1968), dirigido por Francis Ford Coppola. Os dois se tornaram grandes amigos.

Ele se inspirou no seriado “Flash Gordon” dos anos 30 e no filme “O Planeta dos Macacos” para escrever o roteiro da série Guerra nas Estrelas. Foi ele mesmo quem bancou a produção do filme.  Guerra nas Estrelas deve ser o filme que mais paródias recebeu na história do cinema. Uma delas foi estrelada por dedos. Sim, polegares, indicadores, médios, anulares e mínimos. Dedos dos pés também fazem participações especiais.

Os dedos também estrelaram paródias de outros filmes de sucesso. A palavra-chave é “thumb”, dedão em inglês. Você encontrará no YouTube versões de Batman, Frankenstein e Matrix (veja um trechinho abaixo) 


 

Autor: - Categoria(s): Cinema, Humor Tags: , , ,

Ver todas as notas

2 comentários para “Guerra dos polegares nas estrelas”

  1. Matheus Trunk disse:

    Oi Marcelo, como vai? Admiro muito o seu trabalho. Cara, uma vez no Fanáticos por Futebol da RB você entrevistou um ex-goleiro, que mora em Americana (SP). Ele jogou nos anos 50, por aí. Cara, qual o nome dele? Já procurei em todo site do Milton Neves e não achei ele. Aguardo uma resposta sua. Valeu!

    Resposta do MARCELO DUARTE: Olá, Matheus! obrigado pela mensagem. Você lembra sobre o que foi a nossa conversa? Seria, por acaso, o goleiro que teria marcado o primeiro gol da história?

  2. Matheus Ttrunk disse:

    Cara, não me lembro se ele foi o que marcou o primeiro gol da história. Qual era este? Lembro que ele teria sido reserva de vários grandes goleiros da época, se não me engano do Gilmar e que ele residia em Americana. Lembro também que ele falava que tinha sido muito boêmio, saia muito essas coisas. Era uma figuraça, falava muito. Será que você não lembra?

    Resposta de MARCELO DUARTE: Dei uma olhada nos roteiros e o goleiro que entrevistei recentemente foi o Bernardino, que foi reserva do Leão no Palmeiras. Mas ele está morando na Bahia, não em Americana. O goleiro que teria feito o primeiro gol é o Oceania, que mora em Bragança Paulista. Não será um desses dois?

Os comentários do texto estão encerrados.

Voltar ao topo